Apenas uma noite – Conto de Natal , por Christian Malcon 3/3

No hospital Roberto de 40 anos, acordou desse sonho! Tirou a mascara de oxigênio, se arrastou da cama até a janela, abriu a persiana, olhou as estrelas, localizou a maior delas, e disse – Jesus, nesse seu aniversário te peço encarecidamente, me leve de uma vez por todas ou me cure, não agüento mais tanto … Read moreApenas uma noite – Conto de Natal , por Christian Malcon 3/3

Apenas uma noite – Conto de Natal , por Christian Malcon 2/3

Após a explosão Roberto se viu dentro da luminosidade.Dentro da luz a felicidade era tão grande a ponto de ficar exultante, sentiu algo inexplicável. Sentiu todas as suas células pulsarem, sentiu seu cérebro ampliando como se fosse imenso, começou a entender coisas que nunca havia entendido, sentia a eletricidade passando em seus neurônios e se … Read moreApenas uma noite – Conto de Natal , por Christian Malcon 2/3

Apenas uma noite – Conto de Natal , por Christian Malcon 1/3

Naquela noite, véspera de natal, do dia 24 para o dia 25 de dezembro o hospital estava abarrotado de pacientes de emergência. Roberto de 40 anos estava no leito do seu quarto com dores fortes nas costas. Seu câncer nos pulmões avançava agressivamente, a dificuldade de respirar era constante inalando oxigênio constantemente. Os medicamentos para … Read moreApenas uma noite – Conto de Natal , por Christian Malcon 1/3

Luz no Fim do Túnel: As Festas de Fim de Ano

Túnel do tempo… Um ano como um túnel e no final dele, Luz! O que acha? Se você pensa que o final do ano é uma época muito chata, não está sozinho… Ao contrário das luzes espalhadas pelas casas e ruas, e das propagandas cheias de sorriso e confraternização, muitas pessoas sentem-se apagadas e tristonhas, … Read moreLuz no Fim do Túnel: As Festas de Fim de Ano

O Gran Finale!

Em tempos realmente sombrios, de ódio, dualidade, polaridade, intolerância e ego se impondo descontroladamente – ou controladamente, como queiram, uma vez que escolhemos o que pensar, sentir, dizer e fazer! – a parte final do Codex Comentado é, além de auto-explicativa, um “tapa na cara” dos caminhantes desatentos.

Dos desafios de entregar o melhor

Quando escrevemos algo, podemos recorrer à memória de experiências passadas, ao relato de fatos alheios a nossa própria vida e em última instância, à imaginação, discorrendo sobre algo que não existe. Mas hoje, é artigo “na carne”; parto para escrever com base no que estou vivendo nesse momento. Organizar um encontro do Movimento Era de … Read moreDos desafios de entregar o melhor