“Vinde a mim as criancinhas…

criancinhasPorque delas é o Reino dos Céus.” ***” –  disse Alguém muito especial. Diz a sabedoria popular e quando somos mães, ouvimos com frequência: “onde há crianças, há anjos.”

Como esta frase ressoa lá no coração, não é mesmo?

Li ainda na adolescência que:

 “Os Anjos se comunicam diretamente com nossos corações e com a capacidade que temos de estar eternizados no presente de cada momento de nossas vidas.”  – Sônia Café.

Parecem formar um denominador comum: Anjos… Presença… Crianças… Por falar nelas…

Meus filhos tiveram a alegria de conhecerem um novo amigo (filho de uma Amiga muito Querida). A algazarra foi espontânea e intensa. Impressionou o entrosamento que tiveram assim que se entreolharam.

Contemplando-os, notamos como cada um se portava… Além da comunicação fluida, crianças deixam as emoções correrem como rios límpidos, sem resistência. Choram e num outro (se não no mesmo) instante já estão gargalhando. Brigam, fazem as pazes e prosseguem a brincadeira.

São verdadeiras “mestras”, como salientou minha Amiga, no quesito transparência, estar de coração e presente no Aqui e no Agora.

Nesta Semana da Criança, convido você a acolher e celebrar sua criança interior, aquela que o conecta com sua essência.  Sua dimensão mais angelical.

Dentro de cada um, vive uma criança assim. Continua pura, íntegra, verdadeira, espontânea.  Corajosa o suficiente para abordar as questões mais decisivas com bastante criatividade – colorido, humor e leveza.  Disposta a aprender, compartilhar.

De quebra, ainda emergirá o anjo que ela enxerga no seu interior. Duvida?

Sim, há um anjo dentro de você.  Que nem conhece a dualidade, porque a residência dele é o coração – um arquétipo perfeito de harmonia e da apolaridade.

Amável, compreensivo, humilde. Que pratica sem limites a misericórdia e a compaixão, até nas situações mais tensas, densas, sombrias. Pronto para amar sem condições.

O binômio criança-anjo faz muito sentido e é mágico. Por que não trazê-lo a sua realidade e transformá-la?

O melhor presente que você pode dar a esta criança (e a todas as crianças) é estar presente.  E ser o anjo que ela já sabe que você é. Entre no seu Espaço do Coração e encontre-a. Você, esta criança e o anjo “são um e o mesmo”****. Este brilho tão intenso nos olhos dela é o reflexo do que você é: LUZ!

2 Comments
  1. Muito lindo seu artigo, nos faz viajar nas letrinhas e encontrar a criança-anjo que temos dentro de nós, mas que por vezes deixamos lá esquecida…Bom momento para resgata-la.. Gratidão!

  2. Reply
    Cláudia Sampaio 16/10/2015 at 12:08 PM

    Gratidão pelo carinho de todos. E também agradeço a Alexandr Milov, artista ucraniano responsável por esta escultura belíssima. Incrível como a arte feita com o coração é compreendida atemporal e universalmente. ❤

Leave a reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Unaversidade