Uma conversa sobre Gratidão

gratidãoO que é gratidão?

É devolver a energia recebida.

Sim, eu nunca entendi isso direito. Porque gratidão me parece sempre algo positivo, um sentimento bom, e claro que essa é uma visão dual.

Então é por isso que você não entende. Numa visão dual existem dois lados e gratidão tem um lado só. Devolver a energia recebida.

Sim, mas se eu recebo uma energia ruim, eu devolvo uma energia ruim. Por exemplo, alguém me odeia. Essa pessoa me envia uma energia de raiva. Eu devolvo a energia de raiva?

Não, você devolve a energia. Não de raiva ou de amor. A energia.  

Ainda está um pouco confuso para mim. Ontem aconteceu isso. Uma pessoa enviou vários comentários dizendo que me odiava. E eu respondi fora do padrão de vibração dela. Não respondi com raiva, não revidei. Mas, respondi, quase que sem padrão de emoção.

Você não recebeu a energia.

Eu não tive gratidão por aquilo… Como escolher a energia que eu vou receber? Eu posso escolher receber a energia, e posso escolher devolver a energia, ou não. Então, se a minha intenção é devolver energias sem o padrão do rancor e do ódio, eu posso escolher não receber essa energia, certo? Como, então, não receber essa energia, quando ela vier na dualidade?

Uma energia que vem com padrão do bem, também vem na dualidade. Você não vai receber essa energia? Por que receber a energia somente quando a sua consciência acreditar que ela e “boa”?

Você cria a dualidade quando a enxerga.

Lembre-se que o outro é você, e que você é Fonte, e que a Fonte é tudo. Numa energia que você entende ter um padrão negativo, também existe um padrão positivo. Portanto, toda energia vem completa.

A energia não possui dualidade. Sempre existe uma função positiva e uma negativa em qualquer energia, se você vai mesmo dividi-la. Mas, essa é uma divisão sua, porque a energia é completa. É tudo.

Por isso você pode escolher enxergar uma energia como tendo sido emitida com um padrão negativo, e devolve-la com um padrão que você entende por positivo.

Isso é gratidão.

Mas, você também pode fazer o contrário: devolver num padrão dito negativo, algo que foi enviado num padrão dito positivo.

Como isso é realidade e não verdade, é interessante perceber que não importa com qual padrão a energia foi emitida de outra individualização, pois a escolha em devolver e como devolver sempre será sua.

Falando então em dualidade: por que, se a Fonte é completa, é tudo o que há, nós sempre acreditamos que precisamos evoluir e para isso precisamos ser pessoas boas, que ajudam os outros, que sentem amor pelos outros, que querem somente o bem nosso e dos outros, se o bem é dualidade e a Fonte é tudo o que há? É meio estranho pensar em evoluir nas dimensões, sem pensar em sentir coisas boas e fazer o bem, ajudando os outros. Não vejo minha missão como algo que pode ser negativo…

Porque não é. Você precisa neutralizar a questão da energia e da informação.

Se o propósito é viver a experiência, e não evoluir…

Na verdade, se parar para pensar bem, se a ideia é viver a experiência e depois voltar para a Fonte (quando você, que é a Fonte, quiser voltar), o processo não seria de evolução, e sim de involução,  já que você já é tudo e sabe tudo, e viveu tudo, porque você é a Fonte e o tempo não existe.

É interessante!

Você já é a Fonte. Aqui e agora, a única coisa que você precisa ter certeza é que você é a Fonte.

 

*** Página de download do Codex

3 Comments
  1. Uau….que maravilha..Muito bom, acredito que temos que treinar nossos sentidos, para termos a certeza somos a Fonte.

    “Você já é a Fonte. Aqui e agora, a única coisa que você precisa ter certeza é que você é a Fonte.”

  2. Reply
    maria aparecida basso 01/10/2015 at 7:53 AM

    Parabéns Joana,muito bem explicado.Ainda tenho que estudar e treinar muito para entender direitinho essa questão da dualidade.GRATIDÃO!

  3. Joana, a certeza de ser a Fonte já faz com que abandonemos o padrão da dualidade, mesmo que apenas por instantes. Relembrar o mecanismo de receber e devolver a energia, pura e simplesmente, é um trabalho único e árduo, mas certamente chegaremos lá! Bjs

Leave a reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Unaversidade