Espalhando benefícios, recolhendo alegria!

Texto: Marcelle Sampaio | Ilustração: Gisele Caldas

Felicidade_1

Ilustração Gisele Caldas

Rio de Janeiro, Copa do Mundo no Brasil, 2014. Tempo de expansão de consciência por todo o planeta Terra. Tempo de manifestações populares mundo afora. Tempo em que, o que é velho, o que não nos “representa” mais, precisa se despedir, onde muitos passaram a se manifestar em nome de outros, pelos direitos de outros, pela dignidade de outros, pela união, pela verdade.

Em meio a tudo isso, nós brasileiros assumimos o papel de anfitriões de uma manifestação mundial de união e alegria. Papel este que há muito desejávamos, mas… justo agora? Justo quando estamos vivendo um momento político importante, onde ouvimos tanto dizer que “o gigante despertou”? Lá vai ele, de novo, se por em sono profundo na ilusão do torneio de futebol… :/

Pois é, eu mesma pensei assim, me coloquei desta forma em muitas conversas entre amigos. Mas eis que a dita chegou, e mesmo com poucas ruas enfeitadas, em comparação com anos anteriores, mesmo com muitos insatisfeitos em cumprir tal papel de anfitrião, em razão de questões sérias relacionadas à corrupção no que envolve as obras para a Copa do Mundo no Brasil, isso só para apontar uma justificativa para insatisfações mais que justificáveis; em meio a tudo isso, eu, Marcelle, me vi encontrando e vivenciando estados de alegria e felicidade contagiantes.

São tantas pessoas de nações, culturas, cores, religiões variadas emanando a mais pura alegria quase infantil, que tenho me surpreendido, todos os dias.

Acredito que minha percepção venha a ser uma questão de escolha também, como tudo aliás!

Se eu consigo perceber tudo como energia, o que é a mais pura verdade, posso sem julgamento algum sentir a vibração da alegria se espalhando em ondas pela cidade. E olha que nem ligo para futebol e estou mais conectada com o que representa ser anfitriã desta festa neste momento, do que com a festa em si.

Paralelamente à Copa e em razão dela, concluo eu, diversos grupos de práticas meditativas, dançantes, cantantes e/ou ativadoras da energia do Amor Incondicional, vêm acontecendo no Rio desde então com uma frequência interessante.

Todos aos que fui se ocupavam, cada um à sua maneira, em despertar a energia do Amor e espalha-la desde o coração, para o planeta inteiro.

Todos, sem exceção, evocavam claramente a Unidade fazendo dos encontros momentos potentes de Cocriação com a Fonte!

Experimentei manifestações de amor, de alegria, de felicidade pura entre pessoas completamente desconhecidas desde então. Abraços demorados dados em quem nunca se tinha visto antes, como o acontecido em uma aula aberta de Biodanza na praia do Arpoador, que propunha o encontro franco e afetuoso com o outro.

E mais uma vez a dança! Foi ela, a dança, que também fez a energia do Amor circular entre mãos desconhecidas, dadas após meditação com Prem Baba, que estava lançando daqui do Rio, também na praia do Arpoador, um movimento que acontecerá em vários lugares pelo mundo chamado “Awaken Love”, com a finalidade de despertar o Amor, pelo Amor. Aliás foi ali, bem ao lado, que uma meditação pela Paz e União entre os povos e nações mundiais, diante de uma belíssima lua cheia, se espalhou desde nossos corações. Curioso é que esta meditação foi na praia do Diabo! Que como bem lembrou a Alê no seu último artigo, quer dizer SEPARAÇÃO…

Outro belo trabalho que também esta sendo realizado em muitas cidades pelo mundo, por grupos organizados por Matias de Stefano, aconteceu no último domingo no Corcovado. A tarefa, que mais uma vez uniu muitas individualizações em nome da Unidade, era catapultar Amor desde o Rio de Janeiro, ativando a expansão de consciência coletiva, através da chave que é o próprio Amor. Experiência incrível em um ponto turístico famoso, lotado de gente de todo canto do mundo!

Na volta para casa, depois de cada uma dessas experiências, ao encontrar tantos torcedores de futebol por todos os lados, meus olhos sentiram alegria ao ver tanta gente diferente feliz pelas ruas! Claro que, claro que, claaaaaro que não estou falando do Planeta das Maravilhas, por gentileza, me entendam! Porém, em se tratando de energia, como havia falado acima, o que se passa nesse agora, aqui, também é isso.

Tempo de Copa do Mundo no Brasil, muita energia, corações, mentes, olhos voltados para nós…E como uma das anfitriãs desta energia toda, fico feliz em afirmar que nossa bela cidade está desempenhando muito bem o seu papel, espalhando os benefícios!

E para fechar o artigo, não posso deixar de citar o CODEX lembrando que cosmicamente, felicidade “regula como um indivíduo se sente em relação a algo, sendo então uma sensação e não um estado.” Deste modo pergunto que leis podemos usar para que toda essa sensação, transitória portanto, de felicidade contagiante gerada por todos esses eventos, produzam novas realidades? Eu aqui considero, para começarmos, as leis da Penetração e
Responsabilidade, e você?

Gratidão por esse agora!

Que façamos deste momento, sem perda de tempo, a realização do Decreto do Novo Ciclo onde

“todas as individualizações, em suas vastas formas de existência, devem unificar as semelhanças e diminuir as diferenças entre si”.

Seja Amor, Seja Luz!

19 Comments
  1. Lindo Marcellle, gratidao imensa, estou fora do Brasil mas estou torcendo pela nossa Patria nao como selecao mas como anfitria de um grande evento. Amor e Luz, ao Brasil, a Copa e ao Planeta. Me comovi com o seu artigo.

  2. A energia nesta cidade está mesmo colorida e “ampla”, não tenho tanta experiência com egrégoras, para falar disso. Mas o Rio está sorrindo. Só precisa ser sensível e verá mesmo a energia, independente de participar de grupos meditativos ou ficar quietinha dentro de casa, vai sentir uma energia passando entre e por você. Não é uma invasão. É apenas um “ar diferente”. E cada vez mais vejo pessoas gentis, conscientes e dando topadas na rua pq olharam para a lua de tão linda que estava. Pessoas que geralmente ficam ofegantes esperando as barcas ou atravessando a ponte Rio-Niterói, com seus rostos de trabalhadores admirando a Baía de Guanabara, o Pão de Açúcar e Cristo tudo de uma só vez. Rostos mais calmos. Talvez eu também esteja vivendo em um mundo feliz. Mas como a Marcelle Sampaio disse é uma escolha pessoal. É uma honra viver nesse agora, nessa cidade. Gratidão querida por seu artigo resumiu tudo que vi até o momento. E…Acho que outras do Codex estão presentes a Lei do Amor como foi dito pela Fabiola, a da Unidade “Sendo que tudo parte da mesma Fonte e tudo é Um, não há contra o que se lutar. Qualquer tipo de luta é sempre contra si mesmo, em qualquer nível e qualquer dimensão. Esta é a Lei que regula a ausência das lutas. Não há contra quem se lutar, ou com o que se lutar, se tudo parte do mesmo local e tudo é Um. Qualquer tipo de luta é sempre contra si próprio, em qualquer nível e em qualquer dimensão.” E a lei da Harmonia, claro.

    • Reply
      marcelle sampaio 17/06/2014 at 1:26 PM

      Gi que sintonia incrível do texto com o desenho, hein?! Lindo, lindo, lindo! Parabéns de novo pelo talento e sensibilidade. Quanto ao Codex….ai ai …é mesmo uma teia caleidoscópica! 😀 Todas as leis por todos os lados em cada momento. Nosso aprendizado é usa-las com consciência! Grata por estar junto, irmã!

  3. Reply
    marcelle sampaio 17/06/2014 at 8:57 AM

    Estamos juntas nessa Marineide! Gratidão por isso 😉

  4. Marcelle, linda sua visão das energias que se espalham pelos corações e olhares, eu considero que além das leis já citadas…. podemos usar também a Lei do Entusiasmo… Agir continuamente movendo o fluxo das energias, tornando possível a manifestação de algo.”…. neste caso que essa sensação de felicidade, possa se transformar em realidade, e também a Lei da Duração e Densidade… que mantém as coisas descritas, cocriadas e manifestadas..gratidão!!

  5. Gisele…sua ilustração traz a energia pura da alegria e felicidade, harmoniosamente colocada nas cores…..adorei!! gratidão!

  6. Cariocas do Amor e da Alegria to junto nessa com vc amada! hahhaha Lindo Texto! Gratidão.

  7. Texto vibrante, de pura energia amorosa! Amei, Marcelle querida! Abração de luz amorosa a todos!

    • Reply
      marcelle sampaio 17/06/2014 at 1:20 PM

      Gratidão Rô, é assim mesmo que estou sentindo, numa explosão de pura energia amorosa! 😀

  8. Reply
    Claudia Dantas Fonseca 17/06/2014 at 2:22 PM

    Marcelle, seu texto é de extrema sensibilidade, vibrante, intenso de puro Amorrr.
    Penso que todas as Leis do Codex são apropriadas mas a que me toca neste momento é “Sendo que tudo parte da mesma Fonte e tudo é Um, não há contra o que se lutar. Qualquer tipo de luta é sempre contra si mesmo, em qualquer nível e qualquer dimensão. Esta é a Lei que regula a ausência das lutas. Não há contra quem se lutar, ou com o que se lutar, se tudo parte do mesmo local e tudo é Um. Qualquer tipo de luta é sempre contra si próprio, em qualquer nível e em qualquer dimensão.” como escreveu a nossa Querida Gisele .

  9. Reply
    Uiara Andriewiski 17/06/2014 at 2:24 PM

    Semana de ALEGRIA… Isso é que é importante Marcelle e eu que de propósito parei junto com o Ivan, na porta de um bar restaurante aqui em Copa, ao lado do Copacabana Palace, e vi a ALEGRIA manifestada em diversos idiomas…
    Ai então vimos uma TORRE DE BABEL DE ALEGRIA e sorrisos de Gratificação
    Então, vamos lutar, sentir, sem deixar de VIVER ALEGREMENTE.

  10. Reply
    marilda benevides 17/06/2014 at 3:36 PM

    Oi Marcelle, também tenho sentido essa alegria aqui em BH e ela tem me contagiado…estou feliz, por nada, por tudo, estamos todos irmanados em uma única emoção! Que assim seja sempre, beijos

  11. Reply
    Rosicleide da Silva Santos 17/06/2014 at 7:59 PM

    Oi, essa felicidade tbm está sendo sentida aqui em SP. Hj foi o jogo do Brasil e saimos mais cedo do trabalho, o horário de pico começou mais cedo; temos a estação de metro Sé, aqui no centro da cidade de São Paulo, a estação estava lotada e o Metro tem um esquema de mandar trens vazios para a estação e sempre é um transtorno entrar nos trens, mas hj não, hj todos entraram com alegria e dando risada. 🙂

  12. Reply
    Monica Moreira Pereira 18/06/2014 at 11:50 AM

    Sim, Marcelle , aqui em Fortaleza o Clima tambem melhorou , o FIFA FUN FEST é um sucesso , ate eu,que nunca ia no Aterro da Praia de Iracema ,resolvi conferir e vi um clima muito organizado,cheio de PAZ ,com varias individualizações diferentes, linguas diferentes, ansiosas por se unir ,comemorar, vibrar pelo jogo, pelo AMOR . Eu circulei em todos os lugares e me abasteci de Alegria e Amor.
    Lindo texto e bem na hora da Copa .

  13. Reply
    Erci Raposo Pimentel Galdino 18/06/2014 at 9:06 PM

    Lindo seu texto, emocionei-me.Sempre que a festa é grande, envolve muita gente e muito tempo de preparação, todos esses anos as pessoas envolvidas estavamplantando as sementinhas do Amor, da beleza,da união e comoo nosso povo é festeiro, prestativo,apaixonado por futebol, sópoderia avivar toda essa emoção. A Copa vai durar 1 mês, vamos continuar com nossas vibrações de Luz e com certeza teremos um Brasil melhor.

  14. Reply
    Cleusa Xavier Nogueira de Castro 19/06/2014 at 5:19 PM

    Artigo comovente e de reflexões profundas sobre o momento “Copa do Mundo, no Brasil”. Situação que nos enfiaram “goela abaixo” e que, surpreendentemente, tem nos presenteado com energias cósmicas de coesão, de amor, de afeto, de compartilhamento, de alegrias… Obrigada por essa profusão de sentimentos adoráveis, num momento adverso e até tenso se pensarmos nas consequências econômicas que advirão de tanta insensatez dos governantes deste País!

    • Reply
      marcelle sampaio 24/06/2014 at 9:13 AM

      Que maravilha essa onda de amor! Gratidão à todos vocês pelos comentários! E vamos em frente vivendo em amor no dia a dia, nos pequenos detalhes. Abraços!

Leave a reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Unaversidade